Se teu sonho não te assusta, ele é pequeno demais


A última tarefa apresentada pelo facilitador do curso de liderança foi um papel com dez linhas bem espaçadas, e acima estava escrito “Escreva suas metas para os próximos 5 anos”. Do lado direito o desenho de um anjo, com asas grandes e abertas voando em direção ao céu.

Mantendo minha costumeira curiosidade, perguntei ao facilitador o por que o desenho do anjo estava no formulário. Nesse momento ele me agradeceu por ter dado a oportunidade de explicar a atividade.

Fixei meus olhos no flip chat, que estava igualzinho ao formulário, ele fazendo um certo suspense, causando-me uma certa ansiedade, fez a seguinte explicação:

- Senhores somos movidos pelos nossos sonhos e esses sonhos devem se tornar nossos objetivos a serem conquistados! Escrevam nas dez linhas seus objetivos para, no mínimo, os próximos 5 anos. Podem ser objetivos pessoais e/ou profissionais.

Disciplinadamente iniciei as anotações com uma certa facilidade até o quinto objetivo. A partir daí exigiu algumas reflexões, e também me dei conta que colocara apenas objetivos profissionais, quase me esquecendo dos meus sonhos pessoais. Fui o primeiro a terminar o exercício; com apenas um sinal de sobrancelha o facilitador indicando-me a necessidade de aguardar os demais participantes terminarem.

Atento para o único participante ainda a escrever, não tive dúvidas quando ele depositou a caneta na mesa...

- Professor, não consegui fazer a conexão do anjo com os objetivos que escrevemos!

- Jefferson, mais uma vez você me dá a oportunidade de orientar em um ponto de suma importância. O anjo desenhado no formulário é para que você e todos participantes escolham um anjo da guarda para entregar uma cópia dos dez objetivos que acabaram de escrever. A missão do seu anjo será aceitar e se comprometer a ajuda-lo a conquistar seus objetivos.

Quando for necessário, esse anjo da guarda irá cobra-lo, impulsiona-lo e relembra-lo do quanto é importante sua inspiração e transpiração para conquistar seus objetivos. Uma dica interessante e que funciona muito bem é deixar esse formulário bem avista para ler todos os dias.

Confesso que fiquei um pouco cético! Ao chegar em casa expliquei a minha esposa a atividade e a convidei para ser minha anja da guarda. Não esperava sua reação... ela ficou emocionada e me agradeceu, até hoje ainda não sei por qual motivo! Passamos a nos ajudar e perseguir os dez objetivos. Cinco deles conquistamos em menos de 8 meses, mas os demais 50% eram complexos e de difícil realização, dependendo de muitas variáveis para realiza-los.

Encerramos o primeiro ano com apenas um objetivo a mais concluído, um tanto quando frustado. Eu estava quase desistindo dos objetivos faltantes, quando minha esposa me olhou profundamente e cutucou minha alma com a seguinte frase:

- Se teus sonhos não te assustam, eles são pequeno demais!

Nos abraçamos e seguimos em frente sem jamais desesperançar.

Reflita sobre isso!

Foto: Divulgação

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

© 2018 Professor Jefferson Leonardo | Trendsetter Mkt