© 2018 Professor Jefferson Leonardo | Trendsetter Mkt

Você pode morrer pela língua...

April 1, 2018

 

Já entrevistei muitos candidatos em minha jornada, e as reprovações, em sua grande maioria, foram no contexto do comportamento / atitude, mas agora encontro mais um item de reprovação... o uso incorreto da nossa língua portuguesa. Algumas organizações utilizam-se, como etapa inicial do processo seletivo, testes ortográfico e de redação como filtro para eliminar candidatos, reprovando boa parcela dos entrevistados nessa primeira etapa.

 

A preguiça de ler, tendo como consequência a redução do vocabulário e a fala incorreta, são as principais razões da dificuldade com a língua portuguesa, constatada na pesquisa do Núcleo Brasileiro de Estágios (NUBE), com mais de 11.616 entrevistados. A facilidade de acesso à tecnologia com seus corretores automáticos de texto, os algoritmos que permitem pesquisas resumidas e as abreviações de linguagem nas redes sociais, impedem o conhecimento e o enriquecimento das palavras e a organização da linguística.

 

O internetês, a linguagem virtual e o encurtamento das palavras me parecem um caminho sem volta, vejamos alguns exemplos desse novo dicionário, e por incrível que parece, se você não estiver usando irá parecer que está desatualizado:

 

- Aaaa = ah!               Bjs = beijos                Abs = abraços            Namo = namorado(a)

- Kd = cadê               Kem = quem              Tão = estão                Td = tudo ou todos

- Qr = quer                 Vc = você                  Nd = Nada                Dolo = adoro

- T+ = até mais          Msm = mesmo           Xau = tchau               Sussa = sossegado

 

22,28% dos pesquisados apontaram o fato de não haver incentivo para a leitura no Brasil, mais de 2.500

entrevistados disseram isso! A Era Digital oferece uma série de benefícios, entre eles a facilidade de acesso às obras e clássicos da literatura na palma da mão. O domínio da língua inglesa ainda é uma exigência de conhecimento para diversas vagas de emprego, mas sabemos que já está a tempo no mercado o tradutor automático de texto e recentemente o tradutor instantâneo de voz entre duas línguas diferentes, facilitando a vida e a comunicação de uma forma já mais experimentada pelo ser humano.

 

Se todas as informações aqui citadas forem corretas, só resta uma recomendação aos candidatos e à todas as pessoas que desejam sucesso em suas carreiras. Programem-se para uma boa leitura diária, anotem as palavras que necessitem compreender o seu significado, pesquisem no dicionário e tentem utilizá-las durante a semana.

 

Essa foi uma dica do meu primeiro curso de oratória que enriqueceu o meu vocabulário, facilitou minha comunicação e contribuiu enormemente em minha carreira.

 

Reflita sobre isso!

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

O que você fala, você faz?

July 9, 2019

1/10
Please reload

Posts Recentes